Imprima
Em Portuguese
A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z
Clique em uma letra para ver a lista das condições que iniciam com a respectiva letra.
Clique em “Índice da biblioteca” para voltar para a lista de todos os tópicos.

A cirurgia de artroplastia total de quadril

Durante a cirurgia de artroplastia total de quadril (colocação de prótese total de quadril) a sua articulação do quadril com problema é substituída por uma articulação artificial, chamada de prótese.

Benefícios da artroplastia total de quadril

A cirurgia de artroplastia total de quadril quase sempre:

  • Elimina ou reduz muito a dor no quadril. Até mesmo a dor decorrente da cirurgia deverá desaparecer em algumas semanas.

  • Melhora a força na perna. Sem a dor no quadril, você usará mais as suas pernas. Isto fortalecerá os músculos das suas pernas.

  • Melhora a qualidade de vida, permitindo que você faça as suas tarefas diárias e atividades de baixo impacto com mais conforto.

  • Permite você movimentar-se com mais facilidade por vários anos. A maioria das artroplastias dura muitos anos.

A sua experiência com a cirurgia

Provavelmente você chegará no hospital no dia da cirurgia. Em muitos casos, exames pré-operatórios são realizados com dias ou mesmo semanas de antecedência. Siga todas as instruções do seu cirurgião a respeito do seu preparo para a cirurgia. Quando você chegar ao hospital, você preencherá alguns formulários. Se você não tiver conversado com o médico anestesista, isso ocorrerá antes de se encaminhar ao centro cirúrgico.

Preparando-se para a cirurgia

Você será orientado a não comer nem beber nada antes da cirurgia. Caso você tome medicações diariamente, especialmente medicamentos para afinar o sangue, pergunte ao seu médico se você deve tomá-los no dia da cirurgia. No hospital, a sua temperatura, pulso, respiração e pressão arterial serão verificados. Uma via de acesso endovenoso (pela veia) pode ser instalada para que você possa receber os líquidos e as medicações necessários durante a cirurgia.

O procedimento da cirurgia

Quando a equipe cirúrgica estiver pronta, você será levado para a sala de cirurgia. Lá, você receberá a anestesia. A anestesia ajudará você a dormir durante toda a  cirurgia, ou fará você ficar dormente da cintura para baixo. Em seguida, será feito um corte, que possibilitará o cirurgião ter acesso à articulação do seu quadril. A  parte danificada do osso da coxa que tem um formato de bola (a cabeça do fêmur) será removida e a cavidade onde ela se encaixava, também chamada de  soquete (o componente acetabular), será preparada para que possa receber a prótese. Depois que a nova articulação estiver no lugar, o corte será fechado com fios ou grampos.

Preparando o osso

A bola (cabeça do fêmur) danificada é cortada do osso e a superfície do antigo soquete (acetábulo) é aplainada. Então, um novo soquete é colocado no osso do  quadril. O soquete é geralmente encaixado por pressão e pode ser fixado no local por parafusos ou cimento. Uma prótese de mecanismo de encaixe sob pressão (press-fit) tem minúsculos poros na sua superfície para que o osso cresça para dentro dela.

Encaixando as novas partes

Um novo eixo (componente femoral) para sustentar a prótese é inserido dentro da cabeça do osso da coxa (fêmur). Depois que o componente femoral está firme dentro do osso da coxa, a nova bola e componente acetabular são encaixados. O componente femoral da prótese pode ser fixado com cimento ou por pressão. O seu cirurgião irá escolher o método que for melhor para você.

Na sala de recuperação

Após a cirurgia, você será enviado para a sala de recuperação, também chamada de unidade de recuperação anestésica. As suas condições clínicas serão avaliadas de perto, e você receberá medicações para dor. Pode ser que, na sala de cirurgia, tenham sido colocados um cateter (pequeno tubo, como uma sonda) na sua bexiga e um dreno no seu quadril. Para manter a sua nova articulação estável, um coxim de espuma, ou um travesseiro pode ser colocado entre as suas pernas. Em alguns casos,é usado um afastador metálico.

Riscos e complicações

Assim como para qualquer cirurgia, a artroplastia apresenta alguns riscos e complicações. Dentre eles incluem-se os seguintes:

  • Reação à anestesia

  • Coágulos sangüíneos (trombose) formados dentro das veias

  • Infecção

  • Deslocamento da articulação ou afrouxamento da prótese

  • Dano aos vasos sangüíneos, ossos ou nervos da região

  • Dor na coxa

 

© 2000-2022 The StayWell Company, LLC. Todos os direitos reservados. Estas informações não pretendem substituir cuidados médicos profissionais. Siga sempre as instruções do seu profissional da área de saúde.